ff




Jaime e Cíntia & Cia - jaimecintia@tapera.net
segunda-feira, 29 de abril de 2013
A COSTELA DO GAÚCHO

Parabéns ao Luiz Mário pela passagem dos seus 53 anos de vida:

o quebra costela

o presentão


o talho da picanha com osso

o parabenza

o repeteco

e o sopro final

mas e que tal o xiru?

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 29.4.13 e tem 2 comentarios

sábado, 27 de abril de 2013
O GURI DO RIO JACUÍ


(Esta é uma história de ficção. Qualquer semelhança com a realidade é pura casualidade).

Ele me falou:
- Aproveita que tu vai passá perto do bazar e me traz dois reais de anzol. Toma o dinhero.
- Certo.
Ao voltar, mostrei-lhe os anzóis, dez fisgadores do tipo japonês, umas relíquias.
Ele disse:
- Muito pequenos.
- Mas são do tamanho que tu me mostrô.
- Muito pequenos, já disse. Quero pegá peixe grande. Lá no meu tio dá carpa de peso.
- Tá bem, vô trocá depois.
- Pode deixá. Melhor eu mesmo ir.
Na quarta-feira ele me falou que ia cevar os peixes no cair da noite.
Eu e outro amigo fomos junto com ele e aproveitamos para levar umas tulipas de galinha que assamos nas brasas. Meus amigos aproveitaram para dar umas linhadas, mas só deram banho nas minhocas.
No outro dia, eles repetiram a dose e foram de novo fazer a ceva, eu fiquei na cidade.
Na sexta-feira ele apareceu com uma sacola cheia de esperas com alguns anzóis já iscados com milho (parecia um colar) e outros com mandioca.
Ele disse:
- É hoje, no final da tarde vamos lá colocar as esperas. Eram trinta linhas fortes, aquelas de varal.
Fomos. E voltamos ainda antes do anoitecer.
Perguntou se iríamos junto no sábado de manhã buscar os peixes. Eu confirmei.
Enfim, o grande dia chegou.
Levantamos cedinho e partimos.
Que decepção. Nenhum peixe enroscado.
Ele não desistia. Pegou a tarrafa e foi jogá-la nas águas barrentas. Nada. Jogou de novo e pegou um lambari.
Atirou o peixe perto do acampamento e continuou tentando.
Aquele sardelão ficou ali pulando e eu fiquei com pena. Afinal eu não quero reencarnar como peixe na próxima vida.
Meu amigo retornou para limpar o seu petisco e não o encontrou mais.
Perguntou-me:
- Não viu o meu lambari?
- Não, mas vi um Martin Pescador voando há pouco por entre as árvores.
- Não, não pode ser, o pássaro comeu o meu peixe?
- Eu não disse isso, talvez o peixe tenha pulado até cair de novo no rio, não vai querê agora caçá a ave com o teu bodoque de ligueta cansada.
- Mas eu mato esse filho da peteca.
Aí eu arremeti com aquela gozação de sempre:
- Sapateiro.
- Capaz!, disse ele, tu viu que eu pesquei uma sardela, não viu?
- Onde tá a prova, a evidência? Tirô fotografia?
Para terminar a história, ele nem quis ficar para almoçar, de tão brabo.
Recolheu as linhas que ainda estavam armadas, embarcou sozinho no seu carango turbinado e saiu, arrastando pneus.
Ainda bem que eu tinha levado o meu fusquinha e pude voltar tranquilo, depois de uma gostosa churrascada, num dia lindo, ensolarado, às margens do rio Jacuí, junto com os companheiros que sobraram.
Nós que ficamos para trás, coletamos todos os apetrechos, inclusive os que ele havia esquecido e partimos para casa.
Encontramos o mesmo estacionado no acostamento, perto de um barranco, ainda na estrada de chão.
O meu outro colega perguntou o que tinha acontecido e ele respondeu:
- Terminou a gasolina.
Ainda bem que eu tinha um litro de combustível numa garrafa pet no porta-malas e cedi para ele.
Foi então que ele arrematou:
- Trouxeram o facão do meu pai?
E foi assim que tivemos de retornar ao acampamento para procurar aquela preciosidade.
Depois eu lhe falei:
- Desculpa por te chamá de sapateiro.
Foi pior a emenda que o soneto.
Graças a Deus que ainda não tínhamos encontrado o facão três listras, senão eu não estaria aqui contando esta história.

Jaime Mombelli.    

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 27.4.13 e tem 4 comentarios


CASA DA VÓ

Homenagem a Paula, Alex e Luísa. 
Programa Radar TVE 15/04/13:

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 27.4.13 e tem 1 comentarios


O PROJETO CONTINUA

Prendam essas prendas

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 27.4.13 e tem 0 comentarios

quarta-feira, 24 de abril de 2013
CLARISSA E LARA NA TVE

Agora eu vejo:


Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 24.4.13 e tem 3 comentarios

domingo, 21 de abril de 2013
TARDE DE DOMINGO

Indicação de Guido Mombelli para um final de tarde de domingo:

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 21.4.13 e tem 0 comentarios

quinta-feira, 11 de abril de 2013
LEONARDO MAYER


Recebemos com tristeza a notícia do falecimento de Leonardo Mayer, que noticiou por décadas a história de Tapera através do “Jornal da Integração”, periódico semanal, do qual foi fundador e proprietário, onde registrou a memória da cidade neste período e, por isso, teve grande importância para a comunidade.
Deu seguimento ao seu trabalho de semeador de notícias, através da internet, no seu “Blog do Leonardo”, postando no site: “Tapera.Net”, endereço de pesquisa para qualquer pessoa interessada em verificar informações regionais.
Também produziu as revistas intituladas “Saúde & Bem-Estar” e “Agora”.
Juntamo-nos ao pesar de seus familiares e lamentamos essa perda.

Jaime e Cíntia Mombelli.

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 11.4.13 e tem 1 comentarios

segunda-feira, 8 de abril de 2013
CASA DE CULTURA MÁRIO QUINTANA



Data: 18 de abril (quinta-feira)
Hora: 12h30min
Local: Travessa dos Cataventos
Entrada gratuita
No dia 18 de abril, quinta-feira, tem o folk, rock, pop e música brasileira de Clarissa Mombelli no Quindim do Quintana às 12h30min na Travessa dos Cataventos.  No show gratuito, a cantora apresenta músicas de seu primeiro cd, Volta no Tempo .
A poesia se faz presente nas composições, onde conta-se a história da vida desde o nascimento, tema da música Hoje, que abre o álbum, até a morte e a esperança de tudo recomeçar, na faixa Nascer de novo. O videoclipe da música Volta no Tempo, lançado em maio de 2010, alcançou as programações nacionais da MTV, do Canal Multishow e do Canal Brasil. Gravado na Vinícola Laurentia no Rio Grande do Sul.
Considerada uma das novas promessas, Clarissa Mombelli atua no cenário musical há aproximadamente cinco anos. A cantora lançou seu disco e, entre outubro e novembro de 2010, realizou uma turnê na Europa para fazer divulgação de seu trabalho, Madri e Londres estiveram no roteiro. Seu disco já teve divulgação nacional no programa Domingão do Faustão no quadro Vitrine do Faustão.
A artista já está trabalhando nas gravações de seu segundo disco que tem lançamento previsto ainda para o primeiro semestre de 2013. O primeiro single deste novo trabalho já está disponível para ser ouvido no site da cantora. Chamado Essa Chuva o single foi lançado em julho de 2012 com a distribuição de discos em uma interação artística audiovisual pela cidade de Porto Alegre.

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 8.4.13 e tem 0 comentarios

quarta-feira, 3 de abril de 2013
O PIAZINHO DO REFRI


Ele era hiperativo. E teimoso.
Chegava em casa e logo ia exigindo:
- Manheeee, quero refrigerante.
- Filho, não tem em casa, quer uma limonada?
- Não. Quero refri, quero refri, quero refri.
- Paieee, vai buscar um refri para este pirralho lá na bodega.
- Quero dois!
- Pega dois logo, para ele parar de atormentar meus ouvidos!
Então o pai ia ao boteco e pegava os refris para o filhote.
- Aqui estão, pode matar a vontade.
Outro dia era a mesma história, até que a mãe cansou e resolveu consultar um médico.
O doutor perguntou para a mãe se ela sempre relutava em ceder ao desejo do filho e ela respondeu que sim, mas não adiantava.
Então o médico aconselhou a fazer o contrário.
A mãe adentrou a casa com um engradado de refrigerantes e falou para o filho:
- Aí está. Uma grade só para você. Pode beber quantos quiser.
O menino arregalou os olhos, que brilharam. Satisfação total.
A mãe deixou o rapazito isolado, no quarto, à mercê dos botijões de vidro, com um abridor dependurado por um barbante, atado ao engradado, e ele começou a abrir e a tomar. Um, dois, três, quatro, cinco. E parou, empanturrado, não aguentava mais! Arrotou e foi para o banheiro, “supermaisquesatisfeito”.
A sua mãe ficou surpreendida com a quantidade, mas deixou o engradado lá, à disposição. E ficou acompanhando a evolução das garrafas vazias.
No dia posterior, apenas uma. No outro dia, mais uma. E assim por diante até terminar todo o conteúdo.
Então perguntou ao filho:
- Satisfeito, ou quer mais?
Ele respondeu:
- Não tomei mais, desde o dia que chegou o engradado e eu me enchi de gases e de enjoo.
- Ué!, mas então quem tomou os refrigerantes?
E a filha dela respondeu:
- Mãe, se quiser, pode trazer mais uma grade, que eu bebo tudo, devagarinho. Prometo!

Jaime Mombelli.

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 3.4.13 e tem 2 comentarios

terça-feira, 2 de abril de 2013
EM TAPERA

E o rodeio continua em Tapera:
BOBÓ de Cláudia. Presente do coelhinho.

Marcadores:


Postado por Jaime e Cintia as 2.4.13 e tem 2 comentarios

Posts mais recentes Posts mais antigos



 




 

Últimos Posts

Tempestade
Contradições
RICARDO CASTAÑON, FRENTE A FRENTE
Armamento
Jardim das Aflições
Galáxias
Batman
Luneta e microscópio
Ilusões
Continuidade

Arquivos

Abril 2012 Maio 2012 Junho 2012 Julho 2012 Agosto 2012 Setembro 2012 Outubro 2012 Novembro 2012 Dezembro 2012 Janeiro 2013 Fevereiro 2013 Março 2013 Abril 2013 Maio 2013 Junho 2013 Julho 2013 Agosto 2013 Setembro 2013 Outubro 2013 Novembro 2013 Dezembro 2013 Janeiro 2014 Fevereiro 2014 Março 2014 Abril 2014 Maio 2014 Junho 2014 Julho 2014 Agosto 2014 Setembro 2014 Outubro 2014 Novembro 2014 Dezembro 2014 Janeiro 2015 Fevereiro 2015 Março 2015 Abril 2015 Maio 2015 Junho 2015 Agosto 2015 Setembro 2015 Outubro 2015 Dezembro 2015 Março 2016 Abril 2016 Maio 2016 Julho 2016 Agosto 2016 Setembro 2016 Outubro 2016 Novembro 2016 Dezembro 2016 Janeiro 2017 Fevereiro 2017 Março 2017 Abril 2017

 

 


WM INTERNET